23 outubro 2007




Castelo de Óbidos.


2 comentários:

JOSÉ DA SILVA MAURÍCIO disse...

"Viva a Eutanásia. Abaixo o Sofrimento".

O "Axioma Matemático da Eutanásia" é enunciado da seguinte forma: "O doente
terminal é que decide se não quer morrer ou se quer morrer. E mais ninguém".

Em especial a Indústria Farmacêutica!

Nota: Para aqueles que julguem que eu tenho qualquer coisa contra a Indústria
Farmacêutica, aqui vai uma boca que eu costumo dizer:

Dou um bilião (mil milhões) de vezes mais valor a um comprimido para a dôr de
cabeça do que a todos os Deuses/deuses ao cimo da Terra juntos.

Curiosidade:

Era uma vez dois velhinhos. Ambos estavam reformados. Ambos recebiam uma pensão
baixa. Ela estava internada e cinco vezes por dia rezava ao Deus/deus dela para
a levar para junto dele pois sofria muito.

Até que um dia chegou a Eutanásia. Ela foi para junto do Deus dela e deixou de
sofrer. O marido também deixou de sofrer por ela. E passou a receber duas
pensões. Tinha deixado de ser pobre.

Uns anos depois, numa excursão a Fátima, conheceu uma velhina, cujo marido tinha morrido uns anos antes
com a Eutanásia. Ela também recebia duas pensões.

E casaram (sem papéis).

Há cerca de dez (10) anos que são felizes.


Braga (mas Lisboeta, "A Invasão Mourisca,
"http://jn.sapo.pt/2007/02/27/opiniao/a_invasao_mourisca.html ) 31.5.2007

JOSÉ DA SILVA MAURÍCIO para os que não gostam de Anónimos.

ANÓNIMO para os que não gostam de armantes.

E para os restantes, J#o? d/ sI&v? Ma+/+u)io (Assinatura ilegível).

mauricio_102@sapo.pt

http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt

Anónimo disse...

SILÊNCIO CULPADO disse...
Perante uma grande sacanice que está a ser feita sobre alguns professores que não recebem vencimento,têm horários d e12 horas ou estão a recibos verdes sugere-se que todos os blogues publiquem a notícia que está no http://cegueiralusa.blogspot.com